segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Fazenda Campo Verde comemora os resultados em 2011

Detentora da maior reserva genética das raças Dorper e White Dorper de linhagem 100% sul-africana no Brasil, projeto que se estabilizou em um rebanho de 1.500 animais e 5.000 embriões importados, a Fazenda Campo Verde comemora os resultados obtidos em 2011. A cabanha promoveu quatro leilões, alguns em parceria com outros criadores, e consagrou-se nas principais exposições, fruto do trabalho de seleção que desenvolve desde 2006.

Segundo Lucas Heymeyer, Responsável de Vendas, logo no início do ano o mercado já sinalizava um cenário promissor para a criação de ovinos, em especial para as raças Dorper e White Dorper. “Cada vez mais criadores reconhecem o ganho de peso, a rusticidade, adaptabilidade e a velocidade de terminação conferida nesses animais”, argumenta.

O balanço do primeiro remate de 2011, promovido em parceria com o criador Ruben Osta, confirmou essa tendência. Produtores em todo País disputaram os 61 lotes à venda no Leilão Virtual de Reprodutores Dorper Campo Verde e RHO, movimentando a cifra de quase R$ 160 mil.

Em março, foi a vez de vender fêmeas para seleção de animais puros. Durante a Feinco’ 2011, as 40 ovelhas e os 02 reprodutores em oferta no 4º Leilão Dorper Campo Verde saíram por R$ 450 mil, atraindo 34 investidores.

Os resultados também foram expressivos nas pistas.  A Campo Verde fez a Grande Campeã Dorper (Dorper Campo Verde TE 1557), Grande Campeão White Dorper (Dorper Campo Verde 1157 – DAN) e o Reservado Grande Campeão White Dorper (Dorper Campo Verde TE 1721 – Freddie). O reconhecimento também veio com a conquista obtida pela Dorper Colorado e pelo criador Eduardo Lobo, que fizeram a Grande Campeã White Dorper (Dorper Calorado W. TE 06) e a Reservada Grande Campeã (RHO 3J TE 351), respectivamente. Esses animais foram revelados em edições passadas do Borrega do Futuro.

Seguindo o calendário, o próximo passo foi reunir produtores de cordeiro e especialistas em um dia de discussões importantes sobre manejo, nutrição, genética, qualidade e tecnologias aplicadas ao setor. O 2º Dia na Campo Verde foi um sucesso, contando com a participação de 200 produtores.
 Para aumentar sua participação na região Nordeste, esse ano,  a cabanha firmou parceria com o  Rancho Comagrivel e promoveu o Leilão Dorper SE, durante a 1ª Expo Simão Dias (SE). As 39 fêmeas e os 07 machos foram as principais novidades da exposição, representando faturamento de R$ 382.560,00.

Outubro foi mês mais esperado, época de realização do 3º Leilão e Exposição Borrega do Futuro, iniciativa que vem se firmando entre as exposições da raça. A mostra recebeu cerca de 200 criadores e reuniu 117 ovelhas em pista de julgamento. As duas melhores em cada categoria foram leiloadas, inclusive, a Grande Campeã e a Reservada Grande Campeã Dorper e White Dorper, reveladas somente ao final do evento. A Campo Verde não competiu no julgamento, mas incluiu 20 borregas à oferta, além de cinco reprodutores e doses de sêmen.Essa genética diferenciada rendeu exatos R$ 592.560,00.  Os compradores das pérolas do Borrega do Futuro ainda foram agraciados com o prêmio de R$ 5 mil, incentivo ao investimento.

A 5ª Exposição Nacional da Raça Dorper, realizada em Salvador (BA), durante a Feira Nacional da Agropecuária Baiana (Fenagro), encerrou as atividades da empresa este ano. A cabanha novamente alcançou o posto mais alto, com os títulos de “Melhor Criador” e “Melhor Expositor” nas duas raças. Fez também a Grande Campeã Dorper (Dorper Campo Verde 1684, filha do grande Karoo), o Reservado Grande Campeão Dorper (Dorper Campo Verde 1513 - Rikus), Grande Campeão Progênie de Pai Adulto na Raça Dorper (Dorper Campo Verde 167, o Koster) e o Reservado Grande Campeão White Dorper (Dorper Campo Verde TE 2195). 

Informações: (11) 2626=9491